Acesse Nossas Redes Sociais

Citroen

Citroën Jumpy: É Bom? Avaliação, Consumo e Problemas 2024

Atualizado

em

O Jumpy 2024, um dos principais veículos da Europa, chega para ser parte do propósito da Citroën de apostar em utilitários para o mercado brasileiro.

Citroën Jumpy: É Bom? Avaliação, Consumo e Problemas 2024

Citroën Jumpy é Bom?

Disponibilizado em outubro de 2017, hoje ele está à venda com valores entre R$ 191.240 e R$ 194.340 na versão 2024, além do e-Jumpy elétrico, que foi lançado posteriormente e tem o valor de R$ 334.990.

As mudanças do Citroen Jumpy 2024 iniciaram-se pela parte mecânica. Em julho de 2023, o veículo substituiu o motor 1.6 BlueHDi por um novo propulsor 1.5 BlueHDi.

O antigo motor produzia 115 cv e 30,6 kgfm, enquanto o novo propulsor 1.5 16V a diesel vem com 120 cv e 30,6 kgfm, ou seja, houve apenas uma alteração na potência e na maneira como é entregue. Além disso, o reservatório de Arla 32 também aumentou, indo de 15 para 18,7 litros.

Essa combinação sempre vem com a transmissão manual de seis velocidades e opera com a tração frontal, sendo mais econômica do que o motor anterior de 1.6 . A fabricante francesa destaca que esse motor é totalmente feito em alumínio, incluindo a cabeça, o bloco e o cárter. Ele possui, como já mencionado, o sistema BlueHDi, que reduz em até 90% a emissão de óxidos de nitrogênio (NOx) e 99,9% das partículas.

No entanto, a maior alteração para o veículo veio com a introdução do novo Citroën e-Jumpy. O carro faz parte da iniciativa francesa de oferecer veículos de trabalho totalmente elétricos, assim como já ocorre na Europa.

Ele foi lançado no final de 2023 e tem um preço elevado de R$ 334.990, um valor que pode se tornar mais atraente quando consideramos as vantagens de longo prazo oferecidas por um furgão elétrico.

Lançamento:  Citroen C3 - Preço, Fotos

De acordo com a marca, o e-Jumpy vem equipado com um motor elétrico de 136 cv e 26,5 kgfm, possuindo baterias de 75 kWh e uma autonomia de 330 km na cidade ou 237 km na estrada. Em apenas 35 minutos, ele pode ser carregado em 80% ao utilizar uma fonte de 100 kW.

Outras características tecnológicas de sua fabricação destacam-se, como a incorporação do coletor de admissão ao cabeçote (o que melhora a distribuição do fluxo de ar para a câmara de combustão), a turbina de geometria variável com função de aumento de pressão (automática) e o intercooler, bem como o sistema de pré-aquecimento do ar de admissão com menor consumo de energia (permitindo partidas rápidas em baixas temperaturas).

Citroën Jumpy: É Bom? Avaliação, Consumo e Problemas 2024

Citroën Jumpy Avaliação

O Jumpy 2024 promete um bom desempenho em comparação com os concorrentes de sua categoria.

Na avaliação da versão elétrica, em três diferentes situações, com destinos diversos, a ë-Jumpy transportou eletrodomésticos, móveis de tamanho considerável e diversos objetos. Para ela, que tem capacidade de carga de até 1 tonelada, essa tarefa foi fácil. Houve falta de potência durante o trabalho? A van rodou tranquilamente na estrada, no modo ECO, que reduz a potência para 80 cv visando economizar combustível. Além disso, há ainda o modo Normal (limitando a potência em 107 cv) e o modo Power (onde os 136 cv estão disponíveis).

Bateria

As cargas foram carregadas e descarregadas sem problemas, tanto pelas portas traseiras (que ocupam toda a parte traseira e se abrem em um ângulo de 180º) quanto pela porta lateral deslizante do lado direito, que possui degrau interno, trava para evitar o fechamento automático e outros recursos. Mesmo sem a proteção do assoalho (que poderia ser adicionada), o espaço de carga possui vários pontos para amarrar cordas, incluindo um em cada extremidade. Ah, e há também uma tomada de 12V, útil para diversas finalidades.

Lançamento:  Citroën C4 Cactus: Quanto custa manter, IPVA, Seguro e Manutenção

Iluminação

O compartimento de carga também recebe uma boa iluminação, no entanto, quase não há ventilação: a cabine e a área de carga são completamente isoladas por uma placa de metal e a parte traseira é completamente fechada. Mesmo assim, trata-se de um compartimento de carga espaçoso, com um volume de 6,1 m³, medindo 2,86 m de comprimento, 1,63 m de largura e 1,40 m de altura, capaz de acomodar desde objetos pequenos até itens de grandes dimensões.

Direção Prazerosa

Mesmo que o tamanho seja um desafio na hora de encontrar vagas de estacionamento, a van elétrica da Citroën impressiona qualquer motorista inexperiente nesse tipo de veículo: é extremamente fácil e prazerosa de dirigir. Tem uma condução suave, com bastante conforto, especialmente quando está carregada, e apresenta um isolamento acústico surpreendentemente bem-feito. É uma verdadeira escola para outros carros elétricos barulhentos. A “transmissão” é controlada pelos mesmos botões utilizados nos modelos Peugeot E-208 e E-2008, que são fáceis de manusear.

Recall

Para as unidades produzidas entre 2017 e 2018 das versões Furgão e Minibus, a Citroën emitiu um comunicado de recall para 1.407 unidades do Jumpy (nas versões Furgão e Minibus) fabricadas entre 2017 e 2018, devido a problemas na articulação da suspensão dianteira. O “irmão” Expert, da Peugeot, também está sujeito ao mesmo recall.

Segundo a marca, a peça pode ter sido apertada com torque inadequado, resultando no desprendimento da articulação e/ou deslocamento das rodas. Isso representa um risco de perda parcial ou total do controle do veículo.

Em 2020, o Citroën Jumpy também foi convocado para recall devido a falhas nos freios traseiros e na tubulação de combustível. Após a Peugeot convocar o Expert devido ao risco de incêndio, a Citroën também chamou o Jumpy por apresentar desgaste nos flexíveis dos freios traseiros causado pelo atrito com a presilha de fixação, além de um possível dano na tubulação de combustível devido ao contato com os componentes ao redor. Esse recall afetou modelos fabricados entre 2017 e 2019.

Lançamento:  Citroen C3 PCD - Preço, Desconto, Versões, Fotos

Citroën Jumpy: É Bom? Avaliação, Consumo e Problemas 2024

Problemas do Jumpy

Com base nas opiniões dos proprietários, vamos organizar as respostas de acordo com as reclamações e problemas apresentados:

Últimos Lançamentos de Carros

Qual foi o melhor lançamento de carro dos últimos anos? Deixe sua opinião nos comentários.
INSCREVA-SE:
  • Reclamação 1: O proprietário relata várias recorrências de problemas gerais (eletrônicos e mecânicos), além de períodos prolongados com o carro parado. No entanto, o problema foi resolvido.
  • Reclamação 2: O proprietário menciona um problema com o reservatório de ARLA e o alarme de aditivo. A concessionária informou que é necessário substituir o reservatório a um custo de R$ 6.350,00, e a fábrica não permitiu que isso fosse feito na garantia. A reclamação não foi respondida.
  • Reclamação 3: O proprietário relata um defeito no tanque de ARLA e a demora para resolver o problema. Alega que o defeito é crônico no veículo e critica a falta de estoque da peça. No entanto, o problema foi resolvido.
  • Reclamação 4: O proprietário expressa sua insatisfação com o feedback do SAC da Citroën. Relata que o veículo teve problemas com a correia, quebrando e necessitando substituir o motor. Solicitou um carro reserva, mas não recebeu retorno da empresa. A reclamação foi apenas respondida.

Citroën Jumpy Consumo

Se você está procurando um veículo voltado para o trabalho, o gasto de combustível também é uma questão relevante. O consumo de combustível do Jumpy 2024 é bem satisfatório, fazendo 12,4 km por litro na cidade e 11,9 km por litro na estrada. Além disso, seu tanque comporta 69 litros, o que proporciona uma boa autonomia, chegando a percorrer cerca de 838 km em um ciclo misto.

Citroën Jumpy Fotos 

Citroën Jumpy: É Bom? Avaliação, Consumo e Problemas 2024

 

Citroën Jumpy: É Bom? Avaliação, Consumo e Problemas 2024 Citroën Jumpy: É Bom? Avaliação, Consumo e Problemas 2024 Citroën Jumpy: É Bom? Avaliação, Consumo e Problemas 2024

Citroën Jumpy Fotos Interior

Citroën Jumpy: É Bom? Avaliação, Consumo e Problemas 2024

Citroën Jumpy: É Bom? Avaliação, Consumo e Problemas 2024 Citroën Jumpy: É Bom? Avaliação, Consumo e Problemas 2024

Citroën Jumpy: É Bom? Avaliação, Consumo e Problemas 2024

Compartilhar:

Roberto Seixas, também conhecido como Roberto Carros, é entusiasta do setor automotivo desde pequeno, onde começou uma incrível coleção de miniaturas. Natural de São Paulo/SP, é formado em jornalismo na Universidade Nove de Julho e é um dos principais redatores do Carros Lançamentos. Um dos Hobbies favoritos é colecionar revistas de carros e ir em encontros, seja de carros antigos, novos ou motos. Não perde um Salão do Automóvel, Formula 1, Stock Car, Moto GP e qualquer outra competição de veículos automotores. Está sempre antenado para trazer as novidades em primeira mão com riqueza de detalhes para todos brasileiros apaixonados por carros e motos.

Clique para comentar

Deixe um comentário Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Conteúdo

Novidades

Categorias

Páginas

Em Destaque

Carros Lançamentos é gerido por Miidia Serviços de Publicidade Web EIRELI – CNPJ 14.444.032/0001-90 - Dicas e novidades sobre veículos feito por redatores especializados no setor automotivo.