Acesse Nossas Redes Sociais

Ford

10 motivos para comprar (ou não comprar) um Ford Ranger 2024

Atualizado

em

Você já ouviu falar da picape que conquistou o coração de jornalistas europeus e sul-africanos? É a nova Ford Ranger. Recentemente chegou ao Brasil, vinda da Argentina, mas também é produzida na África do Sul e comercializada em 180 países. Parece que a Ford Ranger tem tudo para ser uma escolha acertada, não é mesmo? Nem sempre. Por isso, preparamos uma lista com 10 razões para considerar ou não considerar a compra de uma Ford Ranger. Veja abaixo!

10 motivos para comprar (ou não comprar) um Ford Ranger 2024

Motivos Para Comprar um Ford Ranger

1- Motorização

A motorização da Ford Ranger para o ano de 2024 revela um grande esforço da empresa para não comprometer seus outros atributos notáveis, como tecnologia e design. Para isso, a Ford optou por equipar as versões de topo com um poderoso motor 3.0 V6 turbo diesel, capaz de gerar 250 cv de potência e impressionantes 61,2 kgfm de torque. Além disso, a Ranger oferece opções de motores diesel V6 de 3 litros e 4 cilindros de 2 litros, todos combinados com um câmbio automático de 10 marchas e tração 4×4.

A modernidade dessa picape Ranger chamou a atenção da Volkswagen da África do Sul, que decidiu adquirir o projeto da Ford para lançar uma nova geração da Amarok. Com base nos números apresentados, é evidente que a Ranger oferece desempenho satisfatório, seja nas estradas, na cidade ou fora delas. No entanto, considerando a presença da mesma transmissão automática de dez velocidades encontrada na F-150 e no Mustang, algumas expectativas por um desempenho ainda mais excepcional foram levantadas.

2 – Visual

O visual da caminhonete da Ford se destaca, encontrando-se uma geração à frente de suas concorrentes. Isso se reflete em um design mais moderno e atualizado. A dianteira, inspirada na F-150 e na Maverick, apresenta faróis full-led em forma de C e uma longa barra horizontal que conecta as extremidades do capô. A carroceria tem uma aparência mais angular em comparação com os modelos concorrentes, e as lanternas trazem recortes que adicionam um toque de inovação a uma área tradicionalmente difícil de renovar em veículos desse segmento.

Lançamento:  Novo Ford Ka 0km - Preço, Cores, Fotos

As mudanças no design incluem uma nova dianteira, com faróis redesenhados conectados por uma barra cromada, grade do radiador e para-choque remodelados, além de luzes de neblina com molduras em cinza. Destaque também para os novos estribos laterais, o santantônio integrado e as rodas de 20 polegadas, que conferem um visual mais robusto e imponente à caminhonete.

3 – Preço

A nova geração da picape média traz consigo um nome reconhecido e valorizado no mercado, e, mais significativamente, desta vez, vem com preços bastante atrativos. A versão topo de linha, Ranger Limited, chega com um preço inicial de R$ 319.990. Com um pacote opcional que inclui rodas de aro 20, câmeras de manobra e sistemas de automação veicular, o preço sobe para R$ 339.990. No entanto, ainda é praticamente o mesmo preço da Toyota Hilux SRX Limited (R$ 335.590) e da Volkswagen Amarok Extreme (R$ 335.500).

Além disso, a Ford Ranger 2024 apresenta versões 2.0 a diesel mais acessíveis do que a Ram Rampage. A Ranger XL, voltada para o trabalho, tem um preço inicial de R$ 239.990. Por um preço semelhante ao da Ram Rampage Rebel 2.0 turbodiesel, ela oferece um motor 2.0 turbodiesel de 170 cv com 41,3 kgfm de torque (contra 38,7 kgfm), câmbio manual de seis marchas e tração 4×4. Essas opções proporcionam uma boa relação custo-benefício para os consumidores que buscam uma picape confiável e funcional.

10 motivos para comprar (ou não comprar) um Ford Ranger 2024

4 – Interior

O interior é o ponto central da atualização geracional da nova Ranger, e poucas coisas simbolizam isso tão bem quanto sua cabine. A Ford investiu em telas generosas, adaptando-se aos gostos dos amantes de picapes. Um exemplo disso é a central multimídia de 12 polegadas, que não é flutuante, mas vertical, atendendo melhor a esse público específico. O quadro de instrumentos de 12,4 polegadas também se destaca pela qualidade gráfica e animações vívidas, além de fornecer informações de forma eficiente. Embora alguns detalhes, como peças soltas em algumas unidades testadas, possam decepcionar, a Ranger substitui a alavanca de câmbio por um pequeno joystick e oferece recursos que ainda são raros em suas concorrentes, como carregador de celular por indução e entradas USB Tipo-C.

Lançamento:  Novo Ford Edge - Preço, Consumo, Ficha Técnica

Além disso, houve avanços no ajuste ergonômico dos assentos, especialmente os traseiros, que estão menos inclinados e mais espaçosos, proporcionando mais conforto aos passageiros. No entanto, parece que ainda há espaço para melhorias.

5 – Boa para a Terra

A nova geração da Ranger demonstra suas vantagens fora do asfalto, oferecendo três modos de condução específicos, em um total de seis opções. Esses ajustes têm um impacto direto no desempenho da tração 4×4 e nos sistemas de controle de tração e estabilidade, adaptando-se às diferentes situações. Em descidas íngremes, um sistema automático segura o veículo, enquanto o auxílio elétrico nos quatro freios a disco garante uma condução suave e precisa.

Os avanços no processo de fabricação certamente facilitam a superação de obstáculos muito desafiadores, embora a maioria dos proprietários dificilmente encontre tais desafios. Essas melhorias proporcionam maior confiança ao dirigir em terrenos off-road, tornando a Ranger uma escolha sólida para quem busca aventuras fora do asfalto.

6 – Assistência

A Ford planeja oferecer um serviço de assistência inovador, baseado na transferência de dados de telemetria para uma central em São Paulo. Essa central poderá entrar em contato com o motorista caso detecte algum problema oculto no veículo, agendando uma visita à concessionária mais próxima, se necessário. Além disso, o sistema também monitora as revisões periódicas de forma dinâmica, considerando a vida útil do óleo. Com intervalos estimados a cada 16.000 km, a marca espera reduzir os custos de manutenção em comparação com seus concorrentes. Essas medidas visam oferecer maior conveniência e economia aos proprietários da Ford Ranger, proporcionando uma experiência de propriedade mais tranquila e satisfatória.

10 motivos para comprar (ou não comprar) um Ford Ranger 2024

Motivos Para NÃO Comprar um Ford Ranger

7 – Consumo

Um ponto a considerar antes de adquirir a Ranger é o consumo de combustível, que tende a ser mais alto em comparação com suas concorrentes, mesmo com uma mecânica mais atualizada. Registrando uma média de 7,6 km/l na cidade e 10,7 km/l na estrada, a Ranger fica atrás da Amarok, que apresenta uma média de 9,4 km/l na cidade e 11,8 km/l na estrada. Para alguns consumidores, o consumo menos eficiente pode ser um aspecto significativo a ser ponderado antes de tomar uma decisão de compra.

Lançamento:  Ford Escape: Preço, Ficha Técnica e Fotos

Últimos Lançamentos de Carros

Qual foi o melhor lançamento de carro dos últimos anos? Deixe sua opinião nos comentários.
INSCREVA-SE:

8 – Conforto de Picape

O conforto é um ponto a se considerar se você está pensando em comprar uma picape. A Ranger pode não ser a melhor opção se estiver sendo comparada com carros de outra categoria, como SUVs. Sua elevada rigidez torcional não a torna tão confortável quanto um SUV, e a sensação de dureza típica de picapes está sempre presente, o que pode não ser ideal para uso urbano. Em termos de conforto durante a condução, como acontece com a maioria das picapes, a traseira tende a ficar um pouco instável quando não está carregada, o que pode afetar a experiência de dirigir. Se o conforto é uma prioridade para você, é importante considerar esses aspectos antes de decidir pela Ranger.

9 – Espaço

O espaço na cabine da Ranger é generoso, proporcionando conforto para quatro adultos e uma criança durante viagens. No entanto, é importante observar que o túnel central do veículo é alto devido à tração 4×4, o que pode limitar o espaço para os pés dos passageiros traseiros.

10 – Bruta e Espaçosa

Devido ao seu tamanho, manobrar a picape em espaços apertados pode ser um desafio. A nova Ford Ranger possui dimensões consideráveis, com 5,37 metros de comprimento, 2,20 metros de largura, 1,87 metros de altura e uma distância entre-eixos de 3,27 metros. Essas medidas podem tornar a condução em ambientes urbanos mais congestionados um pouco mais complicada. Portanto, se você precisa de facilidade em manobras, é algo a se considerar antes de optar pela Ranger.

Ford Ranger Fotos

10 motivos para comprar (ou não comprar) um Ford Ranger 2024 10 motivos para comprar (ou não comprar) um Ford Ranger 2024  10 motivos para comprar (ou não comprar) um Ford Ranger 2024 10 motivos para comprar (ou não comprar) um Ford Ranger 2024 10 motivos para comprar (ou não comprar) um Ford Ranger 2024

Ford Ranger Interior

10 motivos para comprar (ou não comprar) um Ford Ranger 2024  10 motivos para comprar (ou não comprar) um Ford Ranger 2024 10 motivos para comprar (ou não comprar) um Ford Ranger 202410 motivos para comprar (ou não comprar) um Ford Ranger 2024

Compartilhar:

Roberto Seixas, também conhecido como Roberto Carros, é entusiasta do setor automotivo desde pequeno, onde começou uma incrível coleção de miniaturas. Natural de São Paulo/SP, é formado em jornalismo na Universidade Nove de Julho e é um dos principais redatores do Carros Lançamentos. Um dos Hobbies favoritos é colecionar revistas de carros e ir em encontros, seja de carros antigos, novos ou motos. Não perde um Salão do Automóvel, Formula 1, Stock Car, Moto GP e qualquer outra competição de veículos automotores. Está sempre antenado para trazer as novidades em primeira mão com riqueza de detalhes para todos brasileiros apaixonados por carros e motos.

Clique para comentar

Deixe um comentário Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Conteúdo

Novidades

Categorias

Páginas

Em Destaque

Carros Lançamentos é gerido por Miidia Serviços de Publicidade Web EIRELI – CNPJ 14.444.032/0001-90 - Dicas e novidades sobre veículos feito por redatores especializados no setor automotivo.